5 maneiras de nunca ficar doente

A nutricionista Tamara Hamnle conta quais são os principais fatores que podem te conduzir a uma vida mais equilibrada e longe de doenças

Não parece interessante saber os pilares de uma vida saudável, longe de doenças e cada vez mais equilibrada e fortalecida? Pois acompanhe abaixo os principais fatores que podem te conduzir a este caminho, que sem sombra de dúvidas, se faz determinante em um momento como este que estamos vivendo.

1. Respire de forma adequada

Você sabia que respirar devagar e bem profundamente, além de ter o poder de acalmar (que você verá aqui), garante o bo0m funcionamento do nosso organismo. Sabemos que o oxigênio é essencial para a vida humana. Pense comigo: sem comida podemos viver alguns dias, assim como a falta de água não é imediatamente um risco à vida… mas sem ar, morremos em minutos! Sem respirar, nosso corpo pára de responder. Isso acontece porque o oxigênio é condição vital, sem ele nosso cérebro não funciona e outras reações metabólicas chamadas aeróbicas (que precisam da presença do ar) também não acontecem.

O ato de respirar é tão necessário que se faz automático, sem ao menos percebermos. Porém, muitas vezes, ao entrar nesse automático, tendemos a respirar errado, ou muito rápido, ou de forma rasa demais. E aí está o problema! Sabe por que? Porque conseguimos emitir sinais para o nosso corpo quando fazemos isso. Geralmente, em uma situação de perigo, tendemos a respirar de forma ofegante. E quando estamos calmos e tranquilos, tendemos a respirar profunda e calmamente. Se você experimentar “manipular” a sua respiração, verá que o organismo responde a isso de modo automático, te trazendo bem estar e calma. Da mesma forma, se continuar respirando de forma errada, poderá acarretar problemas a médio e longo prazo, pois manda sinais constantes ao seu próprio organismo de que as coisas não vão bem.

Forma correta de respirar:

  • Inspirar usando toda a capacidade toráxica e expandir para a barriga. Sinta o ar entrando pelo nariz e percorrendo o caminho até seus pulmões. Os pulmões ficam tão cheios que um movimento na região abdominal é necessário. Ao expirar, imaginar o caminho contrario. Começar a contrair primeiro a barriga e depois o tórax.
  • Inspirar contando até 7 e expirar contando até 7. Quando já estiver confortável com esta técnica, experimente inspirar em 7 segundos, segurar a respiração por 7 segundos, com os pulmões cheios de ar, expirar em 7 segundos e segurar o ar por 7 segundos (com os pulmões vazios). Essa é uma técnica milenar de meditação através da respiração.

2. Tenha uma boa noite de sono

O sono não assume apenas um papel revigorante, ele tem diversas outras funções importantes ao organismo. Uma boa noite de sono regula o metabolismo e libera hormônios importantes para o corpo. Quem não dorme bem tem mais tendências à depressão e obesidade, segundo estudo do Hospital São Luiz, em São Paulo. Isso acontece porque durante a noite de sono o organismo produz a LEPTINA, um hormônio capaz de controlar a sensação de saciedade. A consequência de não dormir de forma adequada impacta diretamente em nosso comportamento alimentar, dificultando a sensibilidade à saciedade.

Sabemos que um organismo acima do peso tem o metabolismo comprometido, pois afeta a qualidade do sono. Muitas pessoas que possuem uma circunferência abdominal além do recomendado tem apneia, ronco e outros transtornos do sono. Isso impacta na qualidade desse descanso, portanto a importância  sobre a perda de gordura. Um estudo da Universidade de Chicago demonstrou que pessoas que dormem de 6 a 8 horas por noite tiveram uma facilidade em eliminar peso em 55% mais perante as pessoas que não tinham boa noite de sono. Sabemos que além da relação com o peso, a nossa imunidade pode se favorecer com o organismo trabalhando em seu potencial, sem nenhuma função fragmentada. Portanto, se faz necessário descansar de modo adequado para que isso reflita, inclusive, na sua saúde integral!

3. Escolha alimentos ricos em atividades para a nossa defesa!

A boa alimentação é responsável por 90% da nossa capacidade de defesa! Sim, você leu certo! É primordial  ter bons nutrientes para que o organismo tenha condições de fabricar as células que vão ser os nossos soldados em um “potencial ataque” ! Você sabia que um macrófago (célula de defesa), estando no sangue, tem uma vida de 6 horas? Sabia que seu corpo fabrica células de defesa a todo momento, pois precisa repor as que estão sendo utilizadas e as que estão morrendo? Se o seu corpo produz, no mínimo, 4 vezes a quantidade de “soldados” que ele precisa no dia, para garantir que você tenha chances diante de um “ataque inimigo”, que pode acontecer por vírus, bactérias , veneno, etc… você acha que ele utiliza que tipo de material para fazer isso? SIM! O QUE VOCÊ COME. E o que está comendo, será que é útil para o seu organismo ou só está poluindo o seu corpo? Será que não está na hora de rever sua alimentação e contar com o integrante mais importante nesta defesa? Você!!!

Como saber se estou tendo uma boa alimentação? Através de sinais que seu corpo dá: cansaço, fadiga, indisposição, são sinais de que sua alimentação NÃO ESTÁ adequada. A melhor forma de saber que está no caminho certo, é fazendo escolhas que garantem NUTRIENTES a seu organismo, que supra a necessidade tanto de vitaminas quanto de minerais, para que possa produzir tantas células de defesa quanto necessárias. Para quando um ataque iminente surgir, tenha condições de defender o território que pertence a você! Suas escolhas diárias te deixam apenas alimentado ou te nutrem do que realmente precisa? Aprecie frutas, verduras e legumes, verduras e prefira os alimentos mais próximos encontrados na natureza, isso significa , sem ação da indústria alimentícia. Quanto mais próximos a sua forma essencial, mais nutrientes e benefícios podem trazer!

4. Pratique exercícios físicos

O exercício físico traz tantos benefícios, inclusive, imunológicos! Fomos feitos para a ação! Quem pratica atividade física tem aumento dos batimentos cardíacos e isso traz condicionamento cardiovascular importante e muito interessante, aumenta o fluxo de sangue na corrente sanguínea, aumentando oxigenação em todas as células, inclusive cerebral, aumenta o número de mitocôndrias celulares, ou seja, o seu consumo de energia aumenta e você tem adaptações celulares importantes para isso acontecer. Auxilia na nossa noite de sono, mobilidade intestinal, com o aumento dos movimentos peristálticos, melhora disposição, humor, além de muitas vezes garantir interatividade social e diminuição do stress.

Os benefícios são inúmeros e isso também se reflita na nossa imunidade. Permanecer com o organismo ativo faz com que sua defesa esteja mais “treinada”. Embora atividade física não ser nenhuma vacina para vírus e bactéria, certamente o fortalecimento do sistema imunológico sempre proporciona uma resposta otimizada  (rápida e eficaz), de qualquer quadro de infecção.

Há uma opinião quase consensual sobre os benefícios da atividade física e o reforço do sistema imunológico. O mecanismo da melhora da defesa está associado à um efeito da atividade física regular em promover aumento da fabricação de linfócitos, células nominadas como “natural killers”, que tem a função destruir células tumorais ou infectadas por vírus. Esse funcionamento do corpo naturalmente é aumentado quando se pratica atividade física e fortalece seu corpo em um momento de “ataques virais”.

Outro beneficio que a atividade física proporciona com a diminuição do stress é um organismo mais harmonioso e sem as liberações hormonais excessivas que o stress proporciona. Com o equilíbrio da relação entre sistema nervoso, endócrino e imunológico, a tendência é que o organismo se fortaleça e fique menos suscetível a diversas doenças. Existem evidencias de que os exercícios facilitem o equilíbrio não só físico, mas um componente importante para a saúde mental também. 

5. Mantenha o intestino funcionando adequadamente

Como saber se meu intestino funciona bem? Pela quantidade de vezes que vai ao banheiro e pela consistência de suas fezes. Essas duas informações são muito importantes pois já são indícios preciosos para termos mais elementos sobre o funcionamento do seu organismo.

O ideal é que seu organismo elimine uma vez ao dia tudo aquilo que ele não aproveitou. Uma vez ao dia você utiliza o banheiro para fazer o número 2. Deve ser consistente e macio, com a coloração marrom clara. Não é saudável que se faça muita força e a presença de muitos gases também indicam desequilíbrio da flora intestinal.

Vamos saber mais sobre a importância do intestino? Ele é um órgão que conecta o sistema aberto com o sistema fechado. Sabe a diferença? Então vamos lá! O sistema aberto é composto por órgãos que tenham ”acesso” ao ambiente externo ou que colocamos dentro do corpo através desses órgãos. São eles: boca, esôfago, estomago, intestino, reto, anus. Se você, por acidente, engolir uma tampa de plástico, esse plástico terá acesso a esses órgãos, e percorrerá esse caminho até ser excluído. Da mesma forma, podemos concluir que o sistema fechado é a parcela do organismo que não tem nenhum acesso ao ambiente externo e que é composto por tudo onde o sangue percorre. Vamos imaginar que houve um acidente grave e uma pessoa perfurou o fígado, expondo o sistema fechado ao ambiente externo. O que isso significa? RISCO! Infecção, perda de sangue e se não houver ações rápidas, até mesmo a morte. O sistema precisa estar fechado porque senão haveria hemorragia e risco de contaminações com o ambiente externo. Onde quero chegar falando sobre esses dois sistemas dentro do nosso próprio organismo? O intestino é o órgão que CONECTA o sistema aberto COM o sistema fechado. O bom funcionamento do intestino GARANTE  melhora da sua resposta imunológica, e a nutrição de cada célula do seu corpo depende do que seu intestino é capaz de absorver. Portanto, é ESSENCIAL que você tenha esse órgão funcionando muito bem, para que todo o seu organismo também funcione, e a sua defesa esteja munida do que realmente precisa: nutrientes e fabricação adequada de células do sistema imunológico.


Sobre Tamara Hamnle

Com clínica própria em Alphaville, a nutricionista atua na área há 13 anos, aplica hipnose clínica há sete e estuda o comportamento humano há 10 anos. Al. Grajaú, 60 cj 306, (11) 99551-3888 | clinicatamarahamnle.com | @tamarahamnle

Compartilhe
Escrito por
Leia mais de vero

Pintura do letreiro de Alphaville acontece neste domingo (16)

Dez artistas vão colorir o cartão postal do bairro e a pintura...
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *