Renata Nunes: “Vem aí o 5G, e vai mudar a sua vida”

Sabe quando você precisa acessar a internet para ver um endereço, chamar um Uber ou ligar para alguém com urgência e nada no mundo faz a sua internet funcionar?

Pois é. Acredito que de alguma forma todos nós já nos deparamos com situações nas quais o sinal do celular nos deixou na mão. E pensar que já foi muito pior durante a era do 3G, GPRS e EDGE. Nossa necessidade de consumo de dados mudou, a qualidade dos vídeos online aumentou, os celulares convencionais evoluíram para smartphones ultra-conectados e as tecnologias de internet evoluíram, mesmo que mais vagarosamente em terras tupiniquins do que para os lados do Tio Sam.

Foram muitas transformações em pouco tempo, não é mesmo? Ainda ontem nós jogávamos o jogo da cobrinha em celulares quadradões e penávamos para falar ao telefone sem que a ligação caísse. Enquanto agora, podemos competir em jogos como Player Unknown’s Battlegrounds (PUBG) profissionalmente em tempo real com players ao redor do mundo todo, enquanto andamos de ônibus e fazemos uma chamada de vídeo com a maior facilidade.

E se você se lembra de toda essa evolução e do impacto que ela trouxe para o nosso dia-a-dia, saiba que estamos prestes a passar por uma nova transformação na maneira que encaramos a internet móvel. Vem aí o 5G!

Quão rápido ele é?

Se via 3G você levaria absurdas 26 horas para baixar um filme do tamanho de Guardiões da Galáxia, e no 4G cerca de 6 minutos — o que já é uma evolução incrível –, com o 5G o mesmo download levará incríveis 3,6 segundos!

E a velocidade vem acompanhada de baixa latência e eficiência energética. Ou seja, nossos dispositivos serão mais rápidos, mais estáveis e gastarão menos bateria para se conectarem à internet móvel.

O 5G é rápido, mas é tão bom assim?

As possibilidades para esta tecnologia são infinitas. Finalmente teremos uma rede capaz de suportar a tão sonhada IoT (Internet das Coisas), que conectará nossas vidas permanentemente à internet, gerando quantidades assustadoras de dados, os quais prometem facilitar nossa relação com o mundo digital.

Aviões, carros, geladeiras e televisores, todos conectados fazendo nossa vida mais prática, segura e, claro, mensuráveis para todo tipo de empresa (mas isso é assunto para outro texto).

E quando e como isso ocorrerá?

É esperado que as primeiras antenas sejam instaladas já no ano de 2020 no alto de postes e prédios por todo o país. As antenas são compactas e será necessária uma quantidade considerável delas para que todos nós tenhamos acesso ao 5G. Contudo, a manutenção das antenas será muito mais rápida, barata e não deixará a população na mão! Enquanto uma dessas antenas estiver em manutenção, outra assumirá o sinal daquela região.

Quanto essa brincadeira custará pra mim?

Provavelmente, devido a velocidade, utilizaremos muitos dados a mais do que hoje em dia. Ainda não se sabe quanto custará para ter acesso às velocidades astronômicas do 5G. Mas como toda nova tecnologia que surge, seu custo inicial provavelmente será elevado, mas vai baixar conforme o tempo e adoção.

Bom, só nos resta aguardar para sabermos mais detalhes da tecnologia, das empresas que a oferecerão e dos equipamentos que serão compatíveis. Até lá, vamos imaginando todos os benefícios que o 5G nos trará. Já pensou ler a Vero na sua geladeira, que incrível?!

Até lá!

Compartilhe
Escrito por
Leia mais de Renata Nunes

Renata Nunes: “Qual é a marca que os outros veem em você? Conheça o Personal Branding”

Muito além do tradicional Marketing Pessoal, o Personal Branding é o conceito...
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *