Tamara Hamnle: “Controlando a mente faminta”

O que você faria se tivesse o total domínio dos seus impulsos por comida? Qual é a sua relação com o alimento?

Talvez a sensação mais assustadora que alguém possa experimentar é perder o controle de si mesmo. Sair totalmente de sua percepção e agir de forma descontrolada. Não ter a consciência, ser levado por um momento e logo se arrepender. 

Ter o controle da mente significa ter o poder de decisão em cada ação. Inclusive, da alimentação. Se você não dominar isso, será refém de tudo o que estiver ao redor. Estará vulnerável a qualquer provocação (e aqui leia-se: principalmente
tentações gastronômicas).

Não que seja errado ou ruim, mas sem o controle, certamente, será gerada uma sensação de fracasso. De incapacidade. 

A pior sensação que alguém pode experimentar é duvidar da própria capacidade de conquistar aquilo que deseja. E isso mina qualquer autoestima. Uma pessoa que não experimenta a autoconfiança de vencer a si mesmo em pequenos passos, corre o risco de estar à margem de si mesmo.

Imagine viver a versão de si que sempre quis. Parece bom, não é? Certa vez, ouvi: “Tentar é apenas uma ideia de ação”. E, de fato, é verdade. Sei que você teve suas próprias percepções em relação a essa afirmação, mas permita-me expor a minha.

Se uma pessoa TENTA pegar um lápis, ela não está pegando o lápis, a ação só existe em intenção. E isso não é suficiente. É preciso que essa pessoa DECIDA pegar o lápis e AGIR! Portanto, está na hora de você parar de tentar e começar a conseguir. Reprograme sua mente para a alimentação por meio da hipnose.  Se você quer emagrecer, está na hora de me conhecer!


Tamara Hamnle é nutricionista  comportamental há 14 anos e hipnotista há oito
Al. Grajaú,60, cj 306, (11) 99551-3888 | tamarahamnle.com.br | @tamarahamnle

Compartilhe
Escrito por
Leia mais de vero

Basilio Jafet: “Um mercado não contaminado”

As vendas foram recorde e os lançamentos de unidades residenciais, apesar das...
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *