Velejando pela Puglia, Itália

Descubra um pedacinho da Itália. Veja o que os nossos colunistas Renato e Sarah têm a dizer sobre lá

monopoli_dsc00698_fotor
Como não amar a Itália e suas delícias gastronômicas? Depois da Croácia, nosso próximo destino foi a parte de trás do calcanhar da bota, a região da Puglia! Atravessar o mar Adriático foi nosso primeiro grande desafio, mais de 24h em alto mar de Dubrovnik até Bari. Foi uma grande aventura e muito aprendizado na nossa primeira noite em alto mar. Bari, a capital da Puglia, é uma cidade grande, mas como toda a Itália, é cheia de historia e uma gastronomia maravilhosa.  A parte antiga da cidade, Barivecchia é charmosa e conta com ruazinhas que parecem um labirinto.

Logo na chegada conhecemos um brasileiro que mora lá ha mais de 16 anos, o Fernando, casado com a Rossana, que nos ajudou a concertar nossa vela que havia rasgado durante a travessia. São aquelas coincidências da vida onde nada acontece por acaso, do infortúnio da vela rasgada e perrengue em alto mar surgiu uma grande amizade. Esse casal nos acolheu com todas as qualidades de um bom anfitrião.

Para manter nosso novo estilo de vida decidimos receber hospedes no nosso barco, temos 3 suítes disponíveis. Nossos primeiros marinheiros foram o Haroldo e a Rosa, um casal brasileiro nota mil que hoje em dia moram em Londres. Depois da chegada deles, fomos ao supermercado com a nossa nova amiga italiana, estocamos o barco com vários tipos de queijos, pães italianos, massas frescas e tomates frescos maravilhosos que só se encontra na Itália, e seguimos viagem!

Logo ao sul de Bari velejamos por Polignano al Mare, uma cidade charmosa bem no alto de um penhasco a beira mar que nos fez pensar em Santorini na Grécia. O litoral aqui é fantástico, o mar Adriático conta com tons de azul turquesa e verdes claros maravilhosos.

italia-1
Ao sul de Bari, conheça Polignano al Mare, uma cidade bem no alto de um penhasco à beira-mar. O litoral é fantástico, o mar Adriático tem tons de azul-turquesa e verde-claros

italia-2
Em Monopoli o legal é passear a pé. Não deixe de experimentar o sorvete da Gelateria Caruso, além das iguarias locais como vinhos e azeites produzidos na região

italia-3
Bem no calcanhar da bota está Brindisi, que conta com um porto natural que entra fundo na costa Adriática da Itália. A cidade é charmosa e já foi muito importante no passado, conhecida como o “portão para o Leste”

Confira mais dicas no site: sailipanema.com.br

Renato Matiolli e Sarah Moreira são donos do barco Sail Ipanema. O casal – e seu cachorro – decidiu largar tudo e viver num barco.

Compartilhe
Leia mais de Renato Matiolli e Sarah Moreira

Bem-vindos à Grécia: Renato Matiolli e Sarah Moreira relatam passagem pelo país

Nossos colunistas ficaram por quase dois meses nas ilhas gregas. Confira e...
Read More

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *