Por que as grandes empresas escolhem o bairro de Alphaville?

Tributação diferenciada, localização estratégica, boa infraestrutura e imóveis com preços competitivos. Esses são alguns dos motivos que fazem grandes empresas escolherem a região de Alphaville

Esta ilustração é composta por alguns dos edifícios ícones de Alphaville

Netflix, Warner Bros., Adidas, Multiplus, Smiles, Azul Linhas Aéreas. Onde você imagina que estão as sedes dessas grandes marcas? Esqueça a capital paulista. Todas elas são nossas vizinhas e estão distribuídas nos bairros de Alphaville e Tamboré. E não são as únicas. No total, Barueri – que é o 14º município mais rico do país, com PIB de R$ 47,7 bilhões (2015) – tem quase 28 mil empresas ativas. Já Santana de Parnaíba conta com mais 22 mil companhias. Além das já citadas, também estão por aqui Kraft-Heinz, Mc Donalds, Burger King, Philips, Redecard, Bradesco, Walmart, Zara, Ticket, C&A, Chilli Beans, Under Armour e tantas outras.

Nosso bairro ganhou fama Brasil afora pelos condomínios residenciais de alto padrão, mas a ideia inicial da construtora Albuquerque e Takaoka era criar por aqui o primeiro centro industrial e empresarial do país para indústrias não poluentes, com infraestrutura completa e regras claras de ocupação do solo. Esse conceito estabelecido é preservado até os dias de hoje, segundo Joaldo Macedo Rodrigues, mais conhecido como Magoo, secretário da Indústria, Comércio e Trabalho de Barueri. “Quando uma grande empresa manifesta interesse em vir para Alphaville, levantamos todas as informações para saber se preenche nossos requisitos sustentáveis. Depois disso é que podemos aprovar ou não a sua instalação”, conta Magoo.

O interessante é que desde sempre a região atraiu grandes marcas. A primeira empresa a chegar a Alphaville foi a fabricante de computadores, impressoras e softwares Hewlett-Packard, a HP, em 1975. À VERO, Magoo também revelou que, desde o ano passado, vem fazendo um trabalho de prospecção pelo Brasil. “Há um ano visito cidades do interior e de outros estados com o intuito de convidar algumas empresas para se mudar para Barueri. A vinda da Netflix foi uma de nossas principais conquistas”, diz.

A empresa de serviço de transmissão online, instalada na Alameda Xingu, faz parte da expansão internacional da marca. “Alphaville recebe inúmeras companhias globais e serve como um hub para nossos esforços em toda a América do Sul. Nossa equipe multicultural se reúne no bairro para encontrar novas oportunidades para proporcionar ao público o melhor em entretenimento”, diz a empresa em nota. Em seu site também divulga vagas nas áreas de conteúdo, tecnologia, finanças, marketing e outras.

Alphaville recebe inúmeras companhias globais e serve como um hub para nossos esforços em toda
a América do Sul 
— Netflix

Mas o que fez Alphaville ser o destino de tantas marcas assim? Segundo as prefeituras de Barueri e Santana de Parnaíba, o incentivo fiscal é a principal ferramenta para o desenvolvimento da região. “Em Barueri é praticada a alíquota mínima do Imposto Sobre Serviços de 2% (a alíquota máxima é de 5%)”, conta a Secretaria de Indústria, Comércio e Trabalho de Barueri. Já Parnaíba diz que o município concede benefícios fiscais seletivos desde que comprovados investimentos com implantação, expansão ou modernização tecnológica.

Para a rede de fidelidade Smiles, que está em um condomínio da Alameda Rio Negro desde 2014, a questão da tributação influenciou na escolha da região, mas não foi o fator determinante para a mudança da empresa. “A estrutura comercial, com shoppings, restaurantes e hotéis, além de serviços como escola de idiomas, faculdades e supermercados, foram os atrativos”, afirma Juliana Pinho, head de RH da companhia.

A Livelo, que também atua com rede de fidelidade e programas de pontos, está em Alphaville desde sua criação e destaca o networking e a possibilidade de criar conexões com outras corporações. “Estamos muito próximos de grandes empresas que se tornaram nossas parceiras. Temos acesso a uma ótima rede de lojas e restaurantes e nos sentimos bem atendidos pela infraestrutura de saúde da região”, comenta Danielle Lopes, superintendente de desenvolvimento humano e organizacional.

Já a concorrente Multiplus se estabeleceu há três anos na Alameda Xingu. E além de uma boa oferta de infraestrutura, encontrou vantagens na mão de obra local, principalmente de funcionários de nível iniciante, que têm ingressado na empresa. “O nosso programa Jovem Aprendiz, por exemplo, é composto por jovens que moram por aqui. Dos 25 integrantes do programa de estágio, dez deles residem na região”, conta Heloisa Scarantino, gerente sênior de Gestão de Pessoas da Multiplus.

Segundo a prefeitura de Barueri, a cidade tem atuado na formação dessa mão de obra especializada por meio dos institutos técnicos (ITBs), onde são ministrados 22 cursos profissionalizantes. O município, em parceria com o estado, também construiu e mantém os prédios da Fatec e Etec, e, junto com a Fiesp, o Senai.

A localização também conta

Outra vantagem importante é onde estão os bairros de Alphaville e Tamboré. “Estamos na melhor esquina do país, cercados por importantes rodovias de integração e escoamento, ficamos a apenas 30 km de São Paulo e a menos de 100 km dos aeroportos de Cumbica, em Guarulhos, e Viracopos, em Campinas”, comenta Moacyr Felix, presidente da Associação Comercial e Industrial de Barueri (ACIB).

Isso foi o que levou a companhia aérea Azul a vir para a região. A empresa ocupa três andares de um dos prédios que ficam ao lado do Shopping Tamboré e, em breve, deve ocupar mais um andar. Por lá estão todos os setores administrativos da empresa e trabalham 1.200 colaboradores. “Para a gente, Alphaville é um lugar estratégico por proporcionar fácil ligação para a capital e o interior. Além disso, é um bairro seguro e organizado. Chamamos internamente a sede de Azulville”, disse a empresa em nota.

Além disso, o fator imobiliário também é um incentivo. “Barueri ainda tem o metro quadrado mais atraente entre os grandes polos, por isso mantém o potencial de crescimento local em alta”, comenta Moacyr Felix, presidente da ACIB. A taxa do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) também se mantém menor em comparação à de outros municípios da região.

Para a gente, Alphaville é um lugar estratégico, por proporcionar fácil ligação para a capital e o interior. Além disso, é um bairro seguro e organizado. Chamamos internamente a sede de Azulville — Azul

A Eletropaulo, que está aqui desde 2012, diz que escolheu a região por isso. “Viemos não só pelos custos, mas também pela oferta de espaço para juntar diversos setores em um só local” disse a empresa.

Alguma desvantagem?

Apesar de tantos pontos positivos, o trânsito é citado por todos como desvantagem. Para a Eletropaulo, as poucas saídas no bairro para rodovias prejudicam o trânsito e fazem com que o deslocamento de seus funcionários seja demorado. No entanto, as próprias prefeituras dizem já tomar medidas para a melhoria do fluxo, como duplicação de vias, instalação de rotatórias e restrição ao tráfego de caminhões. Para 2019, ciclovias ligando Alphaville ao Centro de Barueri estão em estudo. Enquanto isso, as empresas se adaptam para colaborar com o tráfego: dias de home office, short Friday e horários flexíveis de entrada e saída para todos os funcionários fazem parte da rotina de muitas delas. Inclusive, essas são práticas muito comuns entre as Melhores Empresas para Trabalhar em Barueri e região. Confira mais aqui!

Compartilhe
Escrito por
Leia mais de Gabriela Ribeiro

Cantina italiana em Alphaville: Villaggio dei Fratelli inaugura na Alameda Araguaia

Inspirado nas casas do Bixiga, em São Paulo, restaurante oferece pratos bem...
Read More

COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *